Bolsonaro perde apoio entre eleitores evangélicos, diz pesquisa

O presidente Jair Bolsonaro (PL) perdeu apoio entre os eleitores evangélicos. A aprovação do governo, que era de 55% duas semanas atrás, caiu para 47%, segundo pesquisa Poder Data divulgada nesta sexta-feira (13).

A desaprovação à gestão de Bolsonaro no segmento evangélico cresceu 3 pontos percentuais, passando de 41 para 44 pontos percentuais em comparação com a rodada anterior da mesma pesquisa. 

Os evangélicos ainda representam a maior aprovação do chefe do Executivo, em média 9 pontos percentuais maior que o índice da população em geral, em que a desaprovação alcança 56%.

Entre os católicos a desaprovação do governo Bolsonaro é de 36%. O segmento é alvo de disputa entre o atual mandatário e o pré-candidato ao Palácio do Planalto, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O petista segue disparado no grupo, com 47% das intenções de voto, contra 30% do ex-capitão. 

Hoje, a população católica representa 43% do eleitorado brasileiro. 

Para chegar aos resultados, a pesquisa PoderData entrevistou 3 mil pessoas por telefone entre os dias 8 e 10 de maio em 288 municípios nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, com confiança de 95%.

Fonte: diariodocentrodomundo.com.br

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Instale o Radiosnet em seu celular. Nova opção para ouvir nossa rádio