Romero Rodrigues desabafa e diz que família Ribeiro quer tomar conta da Paraíba: “Querem caçar o direito de pessoas a uma candidatura”

Ele fez alusão a tentativa do parlamentar Aguinaldo Ribeiro, em disputar o Senado e fazer dupla com a irmã Daniela Ribeiro, que também ocupa uma vaga no mesmo cargo pela Paraíba.

Querem tomar conta de tudo, para caçar o direito de outras pessoas de terem o direito a uma postulação”, disse ao desabafar sobre o que chamou de ‘traição’ e ato de ‘hostilidade’. (Foto: reprodução)

Em uma demonstração clara de reação ao ter sido substituído pela senadora Daniella Ribeiro, que passou a presidir o PSD na Paraíba, o pré-candidato a deputado federal, Romero Rodrigues, disse que “existem famílias que já estão no poder, e mesmo assim, querem dominar o estado, querendo tomar conta de tudo”, ao fazer alusão a tentativa do parlamentar Aguinaldo Ribeiro, em disputar o Senado e fazer dupla com a irmã Daniela Ribeiro, que também ocupa uma vaga no mesmo cargo pela Paraíba. 

“Fica claro que famílias buscam se apropriar de todos os espaços para não dar oportunidade a outras pessoas de submeter seu nome a soberania popular. Querem tomar conta de tudo, para caçar o direito de outras pessoas de terem o direito a uma postulação”, disse ao desabafar sobre o que chamou de ‘traição’ e ato de ‘hostilidade’. 

O pré-candidato destacou ainda que foi o último a saber do fato, e que recebeu a notícia quando já estava em toda a mídia paraibana, “naquele momento, sinceramente, isso não se faz nem com os inimigos”, revelou.

Ele também destacou que assim que foi divulgada sua substituição pela senadora Daniella Ribeiro, diversos convites de outros partidos foram recebidos como PSC, PSDB, União Brasil e PL. Em sua fala, como acompanhou o ClickPB, nesta quinta-feira (31), ele explicou que recebeu o convite do presidente, Jair Bolsonaro, para ingressar no PL, mas que optou pelo PSC. 

Antes de ingressar no PSC, Romero disputou a prefeitura de Campina Grande pelo PSD, e bem antes, já foi filiado ao PSDB, do grupo Cunha Lima.

Romero Rodrigues Veiga foi reeleito no primeiro turno de 2016 com 138.996 votos (62,86%). Em 2006, Romero foi eleito deputado estadual da Paraíba, obtendo 38.014 votos, sendo o mais votado em Campina Grande. Em 2010, Romero foi eleito deputado federal pela Paraíba com 95.202 votos. 

Nascido em Campina Grande, em 9 de janeiro de 1966, ele se formou em Agronomia pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e tem mestrado na área. Ao longo dos últimos 24 anos, exerceu os mandatos de vereador, deputado estadual e deputado federal, além de vários cargos no Poder Executivo, antes de ser eleito, em 2012, prefeito de Campina Grande.

Fonte: clickpb.com.br

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Paraíba registra uma morte, 470 novos casos e 64 pacientes internados nas unidades de referência para Covid-19

sex abr 1 , 2022
A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico), em todo estado, é de 16%. A Secretaria de Estado da Saúde (SES) registrou, nesta quinta (31), 470 casos de Covid-19. Entre os casos confirmados neste boletim, 13 (2,77%) são moderados ou graves e 457 (97,23%) são leves. Agora, […]

Instale o Radiosnet em seu celular. Nova opção para ouvir nossa rádio