Adriano diz que vai dialogar com deputados que usam armas de fogo na ALPB e alerta que deve usar poder de revista para coibir

“Vamos dialogar com os deputados que dizem entrar armados na Assembleia para que eles mudem essa prática e não entrem mais armados. E, se for preciso, vamos usar até a tática da revista”. A declaração é do presidente da Casa de Epitácio Pessoa, deputado Adriano Galdino, ao comentar sobre a polêmica que envolve o uso de armas de fogo por parlamentares dentro do prédio.

Durante entrevista ao Sistema Arapuan de Comunicação, Adriano afirmou que existe um dispositivo no regimento da Assembleia Legislativa que proíbe a entrada de pessoas em posse de arma de fogo, seja parlamentares ou funcionários nas dependências da Casa. Ele avisou ainda aos que resolverem insistir com a prática que deve haver poder de revista na entrada do prédio para coibir a prática.

“Nós temos um regimento interno e todos os deputados juraram respeitar, a Constituição Estadual e Federal e todos os 36 tem esse regimento. E ele diz claramente que nenhum funcionário ou deputado poderá entrar dentro da Casa de Epitácio Pessoa armado. Então vamos dialogar com os deputados que dizem entrar armados na Assembleia para que eles mudem essa prática e não entrem mais armados. E, se for preciso, vamos usar até a tática da revista”, afirmou.

“Agora é claro que eu não vou usar a força para proibir deputado de entrar dentro da Assembleia. Nós vamos revistar e se ficar comprovado que ele está armado, o responsável vai comunicar a Mesa Diretora e ela tomará as providências cabíveis para, de acordo com o regimento interno da Casa, tomar as providências sobre o fato”, concluiu Adriano Galdino.

Walber ironiza proibição

O deputado estadual Walber Virgolino (Patriotas) afirmou, de forma irônica, que não irá mais armado para a Assembleia Legislativa da Paraíba. O parlamentar fez uma publicação, em suas redes sociais, dizendo que irá deixar a arma em casa e levará uma flor, quando for trabalhar.

Imagem reprodução – (Foto: Instagram)

O assunto começou a ser debatido dentro da ALPB após o deputado Hervázio Bezerra (PSB) dizer que se sente preocupado com o uso de armas por deputados Cabo Gilberto (PSL) e Wallber Virgolino (Patriota).

Após as declarações de Hervázio, Casa, Adriano Galdino anunciou que os deputados estaduais não poderão entrar armados na Casa de Epitácio Pessoa, o que vem sendo rebatido por parlamentares de oposição.

Fonte: paraiba.com.br

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

“Janela” para deputados trocarem de partido abre na próxima quinta-feira

sáb fev 26 , 2022
Começa na quinta-feira (3) e vai até 1º de abril o prazo para deputados federais e estaduais mudarem de partido sem correr o risco de perder o mandato. Mesmo antes da chamada janela partidária, 39 deputados já deixaram a legenda pela qual foram eleitos em 2018. Por enquanto, o número […]

Instale o Radiosnet em seu celular. Nova opção para ouvir nossa rádio