Paraíba reduz taxa de contágio da Covid-19, mas índice segue acima da média tolerável

A análise feita pelo Observatório de Síndromes Respiratórias da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) aponta uma queda na média móvel de transmissibilidade do novo coronavírus em João Pessoa e Campina Grande nesta segunda-feira (24).

No levantamento feito no dia 14 de janeiro, o índice estava em 4,24 na capital paraibana e 4,6 na Rainha da Borborema. Na época, o estudo apontava que a taxa do estado era de 1,06.Agora, João Pessoa baixou a porcentagem para 2,47 e Campina está em 1,64.

Numa média sobre o impacto da transmissão do vírus em todo estado, a pesquisa mostra que a média móvel subiu para 2,0. O número reprodutivo basal ou razão de reprodução R0 indica o quão contagiosa uma doença infecciosa é. Veja os gráficos abaixo:

Os gráficos acima mostram que a média móvel relativa aos últimos 14 dias aponta grandes chances do contágio da Covid-19. Segundo a o Observatório, se o RT estiver maior que um, significa que cada cidadão poderá infectar mais pessoas. Nos casos de João Pessoa e Campina, a cada 100 moradores dos municípios, quatrocentos podem ser diagnosticados com a doença.

Se a taxa for menor que um, os níveis de contágio da doença irão decair e a doença irá, eventualmente, desaparecer.

Covid em alta na Paraíba 

A Paraíba contabilizou nesse domingo (23) mais 2.007 casos de Covid-19. Do total de novos registros, quatro são considerados moderados ou grave e 2.003 são leves. Com os novos números, o Estado totaliza 477.096 casos confirmados da doença, que estão distribuídos por todos os 223 municípios. Até o momento, já foram realizados 1.286.085 testes para diagnóstico da Covid-19.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde, três mortes foram contabilizadas no último boletim, sendo duas ocorridas nas últimas 24 horas. Com isso, a Paraíba totaliza 9.635 óbitos.  O boletim registra ainda um total de 365.979 pacientes recuperados da doença.

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico), em todo estado, é de 31%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 40%. Em Campina Grande, estão ocupados 23% dos leitos de UTI adulto e no sertão, 46 % dos leitos de UTI para adultos.

De acordo com o Centro estadual de regulação hospitalar, 27 pacientes foram internados nas últimas 24h. Ao todo, 200 pacientes estão internos nas unidades de referência pra Covid-19.

Fonte: maispb.com.br

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Municípios da PB recebem vacinas e testes rápidos para Covid-19

seg jan 24 , 2022
Nesta segunda-feira (24), a Secretaria de Estado da Saúde (SES) distribui 120.798 doses de vacina e 130.420 testes rápidos de antígeno para triagem e diagnóstico da Covid-19. Os insumos serão entregues nas gerencias regionais de saúde e estarão disponíveis para que os municípios façam as retiradas no quantitativo indicado em […]

Instale o Radiosnet em seu celular. Nova opção para ouvir nossa rádio